• 03.03.2011

Teresa Luzio

A tua memória é a minha experiência

© Teresa Luzio

O Lugar do Observatório adquiriu importância, para mim, no momento em que percebi que o actual Director, o Professor Manuel Barros, tinha vivido parte da sua infância neste lugar.

Desenvolveu-se uma estratégia para que a experiência de me relacionar com o Observatório fosse por intermédio de um outro, aqui o Professor. Uma série de documentação por mim recolhida e produzida, como entrevistas, captação de vídeo e fotografias, das recordações do Professor neste lugar, foram cruciais para entender que as duas identidades se tinham feito em simultâneo.

O lugar é o Professor e o Professor é o lugar.

Como pode uma estratégia e um olhar artístico reinventar esta relação? De que modo a relação entre o Professor e o lugar, espelha os tantos lugares por onde passei e como se revelam eles em mim?

O meu trabalho apresenta uma série de desenhos que pensam a estratégia, e uma série de fotografias resultantes do meu contacto com a história do outro, agora filtrada por mim. Nas fotografias não há qualquer referência imagética do lugar do Observatório. No ambiente neutro onde a acção das fotografias decorre, cabem o lugar recordado, e o lugar experienciado.